ETERNO, é tudo aquilo que dura uma fracção de segundo, mas com tamanha intensidade que se petrifica, e nenhuma força jamais o resgata...

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

As mulheres vistas por um tuga…



Suecas
As suecas são um mito entre os jovens adultos portugueses. Todos já contaram aos amigos uma história qualquer em que paparam uma sueca e ela teve tanto prazer que acabou por confessar que os suecos, apesar de grandes, têm todos a pila pequena e são maus na cama. Ora bem... o problema é que estas histórias são sempre mentira e, as maiores vítimas, nem sequer são os suecos. São mesmo todas as mulheres loiras com mais de um metro e setenta e dois que, cada vez que passam férias em Portugal, não conseguem andar na rua sem ouvir bocas foleiras de taxistas à espera de clientes, homens com botas texanas em cima duma Famel Zundap, e adolescentes com óculos escuros maiores que a própria face.
De qualquer maneira quero contar aqui uma cena que tive com uma sueca. Uma vez papei uma e ela gostou tanto que no fim me disse que os suecos têm todos a pila pequena e são maus na cama.


Espanholas
As espanholas têm a vantagem da técnica a que elas próprias deram o nome: a “espanholada”. Para quem não sabe, a espanholada consiste em roçar os seios no falo do parceiro até ele se vir. Pronto, a espanholada é isso.
Como todos sabem, o único país com que Portugal faz fronteira é a Espanha, ou seja, as espanholas são as estrangeiras mais à mão de qualquer português e, por isso, tornaram-se num fetiche inevitável. Expressões como “olha que eu arranjo uma espanhola” ou “vou ter com a espanhola” são frequentemente usadas nos lares portugueses quando o homem quer chatear um bocadito a sua companheira. Foi assim que as espanholas ganharam a fama de mulheres fáceis e boazonas na cama. Ora bem... eu que já trabalhei em Barcelona, vou frequentemente à Galiza e, uma vez, urinei numa parede em Badajoz que afinal não era uma parede mas sim um espanhol bêbado (eu estava totalmente sóbrio), posso confirmar que isto é mentira. As espanholas não são mais fáceis que as portuguesas. Ou então é de mim.


Chinesas
As chinesas são responsáveis por mais um mito urbano: todos os portugueses acreditam que elas têm a vagina perpendicular ao normal. Ora... bem... isto deve-se ao facto, mais uma vez, de todos os homens portugueses contarem aos amigos que já paparam uma chinesa e isso ser mentira. Para sustentar a história contam a descoberta, normalmente enquanto coçam os tomates e bebem uma cerveja, e dizem: - “epá, a gaja tinha a racha ao contrário”. Ora o amigo, que também está com os copos, acredita e conta a mesma história no dia seguinte. A verdade é que eu já trabalhei em Hong-Kong e posso confirmar que as chinesas não têm a vagina na posição que se diz, não porque tenha tido experiências sexuais com alguma (não é que não tenha tentado), mas porque perguntei a uma com quem ganhei confiança: - “Ei, do you have your vagine on horizontal?” - perguntei. “Nor you la hei katsu mintu alaei”, respondeu ela. Eu acho que aquilo quer dizer não, porque ela a seguir abanou a cabeça negativamente e até me deu uma chapada.

Norte-americanas
As norte-americanas também são famosas por gostarem muito de portugueses, e estou a falar das norte-americanas tipo Miami Bitch, ou melhor, beach. Claro que andei a passar fome durante dois anos para ir até lá ver se tirava a barriga de misérias (esta frase tem qualquer coisa de incoerente mas eu não sei bem o que é). Epá, desenganem-se os que acham que as gajas gostam de portugueses. A verdade, nua e crua, é que elas nem sabem que Portugal existe, e mesmo quando um tipo topa isso e começa a dizer que é alemão, a única coisa que ela fazem é abrir muito os olhos e dizer: - “Oh yeah! It's so great. I really love south america”. Pois...

Brasileiras
As brasileiras conseguiram criar em Portugal o famoso movimento “mães de Bragança”, um movimento justo que eu apoiei imediatamente, e que defende o seguinte: é melhor um gajo ficar em casa a descascar batatas junto a uma mulher com bigode do que sair e ter sexo com uma miúda de vinte anos que faz, segundo um dos poucos homens que deu a cara na altura, maravilhas com a boca. As “mães de Bragança” justificam-se dizendo que as brasileiras estavam a destruir os casamentos. Claro que sim. Apoiado. O meu sonho agora é casar com uma tipa que deixe crescer o bigode e passe as noites comigo a descascar batatas para um alguidar de plástico. Muito bem. Brasileiras boazonas voltem pró Brasil. Nós aqui só queremos mulheres-batata, que isto é um país agrícola. Além disso, o casamento entre uma mulher e um homem que gasta o salário todo em meninas de alterne, é sagrado e deve continuar até à morte.

Mulheres Girafa
As mulheres girafa são aquelas que, em alguns países asiáticos, colocam tantos colares durante o seu crescimento que ficam com um pescoço enorme. Eu admito que já escrevi a umas cinquenta a perguntar se casam comigo, isto porque adorava passar as noites a ir ao cinema com uma tipa assim, eh eh. Estou mesmo a ver o gajo atrás todo lixado... opá, adorava, adorava, adorava. Se alguma mulher girafa ler isto, por favor, contacte-me via email. Eu não tenho dinheiro e não posso pagar mas, em troca dum casamento e de uma ida por semana ao cinema, prometo muito amor e beijos na boca. Quer dizer, beijos na boca não, a não ser que ande sempre com um escadote atrás, mas posso tentar.

Portuguesas
As portuguesas têm fama de difíceis entre os portugueses, e isto tem uma explicação óbvia: é das portuguesas que um gajo leva mais negas. Phónix. Claro que como um tipo não aceita um não muito facilmente, a culpa é sempre delas, que são muito inibidas, conservadoras e mais não sei o quê. Eu acho que tenho uma taxa de sucesso razoável entre as portuguesas, mesmo assim, e consigo levar uma para a cama em cada quinhentas e doze tentativas. Claro que como até agora, durante a minha vida toda, só tentei vinte e seis, ainda me faltam quatrocentas e tal para ir outra vez... cof, cof, cof... acho que o melhor é nem fazer as contas. Vou emigrar, pá, nem que seja para a China, onde elas a têm atravessada. Quero lá saber...

4 comentários:

  1. Convenhamos k tudo aquilo k nos custa a conkistar tem sempre um gostinho especial...ou não?
    Não é por ser mulher, nem por ser portuguesa mas já k o sou puxo a brasa à minha sardinha, ou seja, as melhores são mesmo as mulheres portuguesas...quentes e malucas... pelo menos as k conheço..lol
    Adoro o seu blog...dou sempre uma passada para ler, consegue sempre por me um sorriso no rosto...
    Felicidades

    ResponderEliminar
  2. Olá gostei do blog, parabens!
    estou sendo transferido paa lisboa em portugal e agora fiquei assustado com o que voce falou kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    espero que seja diferente!

    nao conheco ninguem em lisboa, caso alguem leia isso por favor entre em contato comigo para eu pelo menos conhecer alguem nesse pais!

    pnhdeivison@aol.com

    ResponderEliminar
  3. Ligue, Marque e nós Resolvemos
    LIgue, marque e nós resolvemos
    Descrição

    Não espere a porta o seu marido por não ter água quente.
    Ligue para o nº 914568291


    Empresa credenciada que presta serviços de Assistência Técnica em Aparelhos a Gás

    - ESQUENTADORES
    - CALDEIRAS

    Marcas:
    vulcano, junkers, fagor, vaillant, immergas, ferroli, roca, domusa, nova florida, baxi, argo, zeus, worten, chaffoteaux, bereta, lasian, tífel

    O seu bem estar pode começar aqui
    LIGUE AGORA
    914568291 - 963835035

    Distrito de setubal e Lisboa


    Desafiar e melhorar continuamente os processos de trabalho, a qualidade e eficiência dos serviços, com vista a responder as solicitações dos clientes e da sociedade.

    ResponderEliminar